Celamina Zinco Bula

Celamina Zinco

Contraindicação do Celamina Zinco

Não deve ser utilizado por pessoas hipersensíveis a qualquer
componente da fórmula.

Como usar o Celamina Zinco

Aplicar o shampoo sobre os cabelos molhados, massageando o couro
cabeludo até obter uma espuma abundante.

Deixar agir por 5 minutos e enxaguar. 

Celamina Zinco deve ser utilizado duas vezes por semana.

Precauções do Celamina Zinco

Evite o contato do produto com os olhos. Caso isto ocorra,
lave-os com água corrente imediatamente.

Interromper o uso se ocorrer irritação do couro
cabeludo.

Reações Adversas do Celamina Zinco

O ciclopirox olamina é geralmente bem tolerado.

Informe ao médico o aparecimento de reações desagradáveis, tais
como: prurido (coceira) ou uma leve sensação de queimação e
raramente dermatite alérgica de contato (reação alérgica da pele ao
medicamento).

Em casos de eventos adversos, notifique ao Sistema de
Notificações em Vigilância Sanitária – NOTIVISA ou para a
Vigilância Sanitária Estadual ou Municipal.

Composição do Celamina Zinco

Componentes:

 Ciclopirox Olamina, Zinco.

Apresentação do Celamina Zinco


Shampoo 150mL.

Uso externo.

Interação Medicamentosa do Celamina Zinco

Não há relato até o momento.

Interação Alimentícia do Celamina Zinco

Não há relato até o momento.

Ação da Substância Celamina Zinco

Resultados da eficácia

Em ensaios clínicos separados, multicêntricos, randomizados,
duplo-cegos, ciclopirox olamina creme a 1% foi comparado com seu
veículo creme e com clotrimazol creme a 1% no tratamento para tinea
corporis e tinea cruris. Nos dois estudos, o uso de ciclopirox
olamina creme resultou numa melhora demonstrável após a primeira
semana de tratamento e numa reposta completa clínica e micológica
em dois terços dos pacientes ao final do período de tratamento.

Estatisticamente, os resultados de ciclopirox olamina creme
foram significativamente superiores em comparação com o veículo
creme e equivalente ao clotrimazol creme.

Todos os tratamentos foram bem tolerados. Um estudo prospectivo,
multicêntrico, randomizado, duplo-cego, foi conduzido em 189
pacientes com diagnóstico clínico de dermatite seborreica. Cada
paciente utilizava ciclopirox olamina 1% creme ou seu veículo
correspondente, duas vezes ao dia, por 29 dias, nas áreas afetadas
e nas áreas circunvizinhas.

A taxa de sucesso de tratamento foi significativamente maior com
ciclopirox olamina em comparação com o veículo (73,9 vs 53,6%;
p=0,003). O tratamento com ciclopirox olamina reduziu a soma da
pontuação dos sinais clínicos de dermatite seborreica numa extensão
maior que o veículo (p ≤ 0,001). Este estudo confirma que o
tratamento tópico com ciclopirox olamina é efetivo e bem tolerado
nos pacientes com dermatite seborreica.

Estudos foram conduzidos para acessar a bioequivalência da nova
formulação, ciclopirox olamina loção a 1%, com o composto
estabelecido. O ciclopirox olamina creme a 1% in vitro e
in vivo. Um ensaio clínico duplo-cego, multicêntrico foi
realizado comparando ciclopirox olamina loção a 1% com o veículo
isolado no tratamento de pacientes com tinea pedis.

Os pacientes foram tratados por 28 dias. O ciclopirox olamina
loção a 1% demonstrou ser significativamente mais efetivo em
comparação ao veículo no tratamento de pacientes com tinea pedis
comum (p ≤ 0,001). Foram relatados eventos adversos de pequeno
porte localizados (prurido, sensação de queimação) em 2% dos 89
pacientes. Estes resultados demonstraram a bioequivalência de
ciclopirox olamina a 1% loção e ciclopirox olamina a 1% creme e
confirma a eficácia clínica e segurança da loção no tratamento da
tinea pedis.

O autor conclui que ciclopirox loção pode ser usada como
alternativa à ciclopirox olamina a 1% creme no tratamento da
tinea pedis, tinea vesicolor, tinea cruris, tinea
corporis
e candidíase cutânea quando a conveniência e/ou
elegância cosmética da loção forem desejadas.


Características Farmacológicas

Este medicamento é um fungicida de amplo espectro para uso
tópico, com alto poder de penetração. É altamente eficaz
praticamente contra todos os agentes patogênicos causadores de
micoses cutâneas superficiais.

Possui atividade fungicida in vitro contra
Trichophyton rubrum, Trichophyton mentagrophytes,
Epidermophyton floccosum, Microsporum
canis e Candida albicans.

Cuidados de Armazenamento do Celamina Zinco

Conservar em temepratura ambiente (entre 15°C e 30°C), ao abrigo
da luz.

Matenha o produto fora do alcance das
crianças.

Dizeres Legais do Celamina Zinco

Número de Registro 2.3726.0062.

Produzido por:

Bio Products Ind. Com. Ltda.
Rua Chaves, 455
Barueri – SP
CNPJ 57.421.588/0001-74
Indústria Brasileira

Importado por:

Glenmark Pharmaceuticals Venezuela C.A.
RIF 29682720-6
Ave. Francisco de Miranda y Cuarta Avenida de Campo Alegre
Edif. Torre Kyra Pisa 3 Oficina 31.
Urb. Campo Alegre, Caracas, Venezuela
Zona Postal 1060

Glenmark Pharmaceuticals Thailand Co. Ltda

191, 17th floor, Slom Complex Building
Silom Road, Silom Sub-District, Bangrak District
Bangkook, 10500, Thailand

SAC:

0800 773 0130

Celamina-Zinco, Bula extraída manualmente da Anvisa.

Remedio Para – Indice de Bulas A-Z.

Compartilhe esta página!

Remédio Para Fóruns Bulas de Medicamentos Celamina Zinco Bula

Visualizando 1 post (de 1 do total)
  • Autor
    Posts
  • #2735
    Anônimo
    Convidado

    Celamina Zinco Bula

    Compartilhe suas experiências sobre este medicamento com outros usuários.
      • Utilizou este Remédio para?
      • Efeitos colaterais.
      • Resultados.
      • Indicações, sugestões e dicas!
    Acessar a Bula do medicamento.
    Celamina Zinco Bula Completa extraída da Anvisa
Visualizando 1 post (de 1 do total)
  • Você deve fazer login para responder a este tópico.
Scroll to top