Bromoprida Merck Bula

Bromoprida Merck

A Bromoprida possui também notável efeito contra náuseas e
vômitos de causas diversas.

Contraindicação do Bromoprida – Merck

A Bromoprida é contra-indicada para pacientes
hipersensíveis aos componentes da fórmula, nos casos em que o
aumento da motilidade seja negativo, como no caso da obstrução
mecânica, hemorragia ou perfuração gastrointestinal.

Como usar o Bromoprida – Merck

0,5 mg (3 gotas) a 1 mg (6 gotas) por quilo de peso ao dia.

Esta posologia deve ser fracionada e administrada em partes a
intervalos iguais no decorrer do dia.

Siga a orientação do seu médico, respeitando sempre os
horários, as doses e a duração do tratamento.

Não interrompa o tratamento sem o conhecimento do seu
médico.

Precauções do Bromoprida – Merck

A Bromoprida é normalmente bem tolerada, o que possibilita
o seu uso nos glaucomatosos e diabéticos.

Pacientes submetidos anteriormente a neurolépticos podem
apresentar uma sensibilidade especial a este tipo de produto.

No estágio atual de conhecimento, é prudente não prescrever
Bromoprida a pacientes com suspeita de feocromocitoma sem controle
médico rigoroso.

Ingestão concomitante com outras
substâncias

Não são conhecidas interações com outras substâncias (álcool,
alimentos, etc.), excetuando-se algumas outras drogas.

Informe seu médico sobre qualquer medicamento que esteja
usando, antes do início, ou durante o tratamento.

Não use medicamento sem o conhecimento do seu médico.
Pode ser perigoso para a sua saúde.

Reações Adversas do Bromoprida – Merck

Informe seu médico o aparecimento de reações
desagradáveis, tais como:

  • Espasmos musculares;
  • Sonolência;
  • Dor de cabeça;
  • Calafrios;
  • Sensação de cansaço e de incômodo nos olhos.

População Especial do Bromoprida – Merck

Gravidez e lactação

A Bromoprida é normalmente bem tolerada, o que possibilita
o seu uso na mulher grávida. Contudo, como ocorre com qualquer
medicamento, o emprego da bromoprida deve ser cauteloso durante o
primeiro trimestre da gravidez.

O emprego durante a gravidez deve ser realizado sob supervisão
médica.

Informe seu médico a ocorrência de gravidez na vigência
do tratamento ou após o seu término.

Informe ao médico se está amamentando.

Idosos

A Bromoprida é normalmente bem tolerada, o que possibilita
o seu uso em pacientes acima de 65 anos de idade, desde que
observadas as contra-indicações, precauções, interações
medicamentosas e reações adversas deste medicamento.

Composição do Bromoprida – Merck

Apresentação

Solução oral (gotas)

Embalagem contendo 1 frasco com 20 ml.

Uso oral.

Uso pediátrico

Composição

Cada ml da solução oral contém

Bromoprida

4 mg

Veículo

1 ml

Excipientes:

Ácido clorídrico, edetato dissódico, metabissulfito de sódio,
metilparabeno, propilparabeno, sacarina diidratada sódica e água
deionizada.

Superdosagem do Bromoprida – Merck

Não foram relatados até o momento casos de superdose com a
Bromoprida.

Interação Medicamentosa do Bromoprida –
Merck

Medicamento-medicamento

Os efeitos de Bromoprida (substância ativa) na motilidade
gastrintestinal são antagonizados pelas drogas anticolinérgicas e
analgésicos narcóticos. Pode haver potencialização dos efeitos
sedativos quando se administra Bromoprida (substância ativa)
junto com sedativos, hipnóticos, narcóticos ou tranquilizantes.
Portanto, evite ingerir esses produtos durante o tratamento com
Bromoprida (substância ativa).

Informe ao seu médico caso você tenha pressão alta e esteja sob
tratamento com inibidores da monoaminoxidase (tipo de medicamento
antidepressivo), pois neste caso, a Bromoprida (substância
ativa) deve ser usada com cuidado.A Bromoprida (substância
ativa) pode diminuir a absorção de fármacos pelo estômago (p/ex.
digoxina) e acelerar aquelas que são absorvidas pelo intestino
delgado (p/ex. paracetamol, tetraciclina, levodopa, etanol).

Medicamento-exame laboratorial

Não há dados disponíveis até o momento sobre a interferência de
Bromoprida (substância ativa) em testes laboratoriais.

Fonte: Bula do Profissional do Medicamento
Digesan.

Interação Alimentícia do Bromoprida – Merck

Medicamento-substância química, com destaque para o
álcool

Pode haver potencialização dos efeitos sedativos quando se
administra Bromoprida (substância ativa) junto com álcool.
Portanto, evite ingerir bebidas alcoólicas durante o tratamento com
Bromoprida (substância ativa).

Medicamento-alimento

Não há dados disponíveis até o momento sobre a interferência de
alimentos na ação de Bromoprida (substância ativa).

Fonte: Bula do Profissional do Medicamento
Digesan.

Ação da Substância Bromoprida – Merck

Resultados de Eficácia 


A indicação, segurança e eficácia de Bromoprida (substância
ativa) para crianças podem ser avaliadas no artigo publicado por
Abadia S. e Grinszpan I., envolvendo crianças com idade entre 0
anos até maiores de 5 anos, no tratamento de sindrome émética
(náuseas e/ou vômitos) originada das mais variadas causas, com
resultados de 85% entre excelente e bom, mostrando também que não
foram registradas intolerâncias clínicas. (Abadi S. e Grinszpan I.
1977).

Vianna P.R.M.F. publicou também sobre tratamento com
Bromoprida (substância ativa) oral e crianças com idade que
variaram entre menos de 1 ano de idade e mais de 3 anos, que
apresentam vômitos de etiologia variada e diferentes graus de
intensidade. A eficácia e a tolerância nos diversos grupos etários
mostraram-se positivas em 80% dos casos, sem apresentarem efeitos
colaterais, destacando ser a Bromoprida (substância ativa) uma
droga válida e útil como terapêutica antiemética em pediatria.
(Vianna P.R.M.F. 1981).

A eficácia de Bromoprida (substância ativa) pode também ser
comprovada em adultos em estudo duplo cego, randomizado que
comparou um grupo de pacientes portadores de náuseas e vômitos
usando Bromoprida (substância ativa) versus
grupo placebo, sendo obtida completa eficácia no grupo da
Bromoprida (substância ativa). (Roila F. et al. 1985).

Também foi comprovada a eficácia da Bromoprida (substância
ativa) em estudo duplo cego, com placebo e uso de
Bromoprida (substância ativa) envolvendo 30 pacientes com
quadro de esofagite de refluxo por hérnia hiatal confirmadas por
exames endoscópicos. Todas foram tratadas com
Bromoprida (substância ativa) e o grupo que usou o
medicamento, em comparação ao grupo placebo, apresentou melhoras
clínicas e endoscópicas superiores estatisticamente. (Dani R.,
1983).

Com relação a gestantes e uso na gravidez de Bromoprida
(substância ativa), Araujo J.R.A. avaliou 20 gestantes com idade
gestacional a partir de 4 semanas, apresentando quadro clínico de
náuseas e/ou vômitos da gravidez, tratando-as com Bromoprida
(substância ativa), apresentando resultado eficaz (85%) no alívio
nos sintomas. Ao acabar de escrever o artigo, 8 mulheres do estudo
ganharam filhos hígidos física e mentalmente. (Araujo J.R.A.,
1981).

Referências Bibliográficas

1- Abadia S. e Grinszpan I. . A
Folha Médica, 1977. 74:4:439 – 41.
2- Roila F, Minotti V, Ballatori E, Basurto C, Tonato M. Evaluation
of the antiemetic activity of bromopride in cancer patients treated
with i.v. CMF. Tumori. 1985 Oct 31;71(5):455-8.
3- Araujo J.R.A., Avaliação do Bromopride nas náuseas e vômitos da
gestação. Jornal Brasileiro de GinecologiaJul-Ago 1981:91:4.
4- Vianna P.R.M.F., Avaliação do Bromopride em pediatria. A Folha
Médica, 1981, 83;1: 76-8. 2/5.
5- Dani R., Avaliação do Bromopride na esofagite de refluxo
decorrente de hérnia hiatal. A Folha Médica, 1983. 87:4: 241-
2. 

Fonte: Bula do Profissional do Medicamento
Digesan.

Características Farmacológicas 


Propriedades farmacodinâmicas

A Bromoprida (substância ativa), princípio ativo de Bromoprida
(substância ativa) aumenta o tônus e amplitude das contrações
gástricas e relaxa o esfíncter pilórico resultando no esvaziamento
gástrico e aumento do trânsito intestinal. Possui também
reconhecidas propriedades antieméticas. A principal ação da
Bromoprida (substância ativa) está relacionada ao bloqueio dos
receptores da dopamina-2 (D2) no sistema nervoso central e no trato
gastrintestinal. De forma semelhante a outros derivados
benzamídicos, a estimulação do trato gastrintestinal pela
Bromoprida (substância ativa) parece mediada, pelo menos em parte,
por sua atividade colinérgica indireta, parcialmente dependente de
suas propriedades anticolinesterásicas.

Em pacientes com dispepsia ou úlcera duodenal, a administração
intravenosa de 10 mg de Bromoprida (substância ativa) acelera
de forma significativa o esvaziamento gástrico. A Bromoprida
(substância ativa), tanto em indivíduos normais como em pacientes
com refluxo gastroesofágico, aumenta significativamente a pressão
do esfíncter inferior do esôfago (EIE) e aumenta a amplitude das
ondas peristálticas primárias.

Em pacientes com síndrome do intestino irritável, a
administração de Bromoprida (substância ativa) prolonga o
tempo de trânsito colônico em pacientes que apresentam aceleração
do trânsito.

Propriedades farmacocinéticas

O pico sérico da Bromoprida (substância ativa) ocorre em 30
minutos pós administração (injetável, via intramuscular). A
Bromoprida (substância ativa) apresenta baixa ligação às
proteínas plasmáticas (cerca de 40%) e é metabolizada no fígado.
Cerca de 10% a 14% da dose administrada é excretada inalterada
através da urina. Após administração de dose única por via
intravenosa (I.V.), observou-se clearance sistêmico de 900
mL/min e um volume de distribuição de 215 L. A
Bromoprida (substância ativa) apresenta uma meia vida de
eliminação de 4 a 5 horas. A biodisponibilidade da
Bromoprida (substância ativa) é de 54% a 74% (via oral) e de
78% (injetável, via intramuscular).

Fonte: Bula do Profissional do Medicamento
Digesan.

Cuidados de Armazenamento do Bromoprida –
Merck

Conservar em temperatura ambiente (entre 15°C e 30°C). Manter o
frasco bem fechado.

Prazo de validade: 24 meses a partir da data de
fabricação impressa na embalagem externa do produto.

Evitar o uso após o prazo indicado devido ao risco de
ocorrerem alterações nas propriedades do produto.

Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das
crianças.

Dizeres Legais do Bromoprida – Merck

No de lote, data de fabricação e prazo de
validade: vide embalagem externa.

Reg. M.S. 1.0089.0309

Farm. Resp.:

Marcos A. Silveira Jr.
CRF-RJ n” 6403

Merck S.A.

CNPJ: 33.069.212/0001-84
Estrada dos Bandeirantes, 1099
Rio de Janeiro – RJ
CEP: 22710-571
Indústria Brasileira

Fabricado por:

Medley S.A. Indústria Farmacêutica
Rua Macedo Costa, 55
Campinas – SP

Bromoprida-Merck, Bula extraída manualmente da Anvisa.

Remedio Para – Indice de Bulas A-Z.

Compartilhe esta página!

Remédio Para Fóruns Bulas de Medicamentos Bromoprida Merck Bula

Visualizando 1 post (de 1 do total)
  • Autor
    Posts
  • #2113
    Anônimo
    Convidado

    Bromoprida Merck Bula

    Compartilhe suas experiências sobre este medicamento com outros usuários.
      • Utilizou este Remédio para?
      • Efeitos colaterais.
      • Resultados.
      • Indicações, sugestões e dicas!
    Acessar a Bula do medicamento.
    Bromoprida Merck Bula Completa extraída da Anvisa
Visualizando 1 post (de 1 do total)
  • Você deve fazer login para responder a este tópico.
Scroll to top