Incoril Bula

Incoril

Angina do peito
Estados anginosos pós-infarto do miocárdio
Coronariopatias isquêmicas com taquicardia

Contraindicação do Incoril

Contra-indicado nos casos de:
– Síndrome do nó sinusal.
– Bloqueio atrioventricular de 2º ou 3º graus.
– Hipotensão arterial.
– Bradicardia acentuada.
– Não deve ser utilizado por mulheres grávidas.

Como usar o Incoril

Tratamento inicial com 30mg, 4 vezes ao dia, antes das
principais refeições e ao deitar.

Dose terapêutica, em média, de 180 a 240 mg ao dia (60 mg 3 a 4
vezes ao dia).

Precauções do Incoril

O diltiazem deve ser administrado com precaução a pacientes com
bloqueio atrioventricular de 1o grau (podendo ter
depressão da estimulação cardíaca e a condução cardíaca pode
ocorrer de forma excessiva), insuficiência cardíaca congestiva (os
sintomas da insuficiência cardíaca podem ser agravados), com
bradicardia grave (menos de 50 batimentos/minuto, podendo ter
depressão da estimulação cardíaca e a condução cardíaca pode
ocorrer de forma excessiva) e com pressão arterial excessivamente
baixa (pois pode diminuir ainda mais a pressão arterial), sendo
necessário um acompanhamento clínico constante.

Atenção com pacientes em uso de betabloqueadores ou
digitálicos.

Recomendam-se cuidados especiais em casos de insuficiência
hepática ou renal, pois o metabolismo e excreção do diltiazem podem
ser prolongados, e seus efeitos podem ser intensificados.

A interrupção abrupta do uso de antagonistas do cálcio pode
agravar os sintomas do paciente, neste caso, a suspensão deve ser
feita de forma gradual, reduzindo as doses e mantendo o paciente
sob observação. Os pacientes devem ser orientados a consultar o
médico antes de interromper o tratamento.

Deve-se ter cautela no uso em idosos, pois a meia-vida dos
bloqueadores dos canais de cálcio pode estar aumentada. A
diminuição excessiva da pressão arterial é em geral considerada
indesejável em pacientes idosos, sendo assim diltiazem deve ser
administrado com cautela. Não existem estudos do uso de diltiazem
em crianças e adolescentes.

Efeitos na capacidade de dirigir e operar
máquinas

Devido à ação hipotensora do diltiazem podem ocorrer efeitos
indesejáveis como tonturas durante o tratamento.

Por esse motivo estes pacientes devem ser instruídos a não
dirigir, operar máquinas ou desempenhar atividades perigosas, como
trabalhar em lugares altos.

Gravidez e Lactação

O uso de diltiazem não é recomendado durante a gravidez ou para
mulheres que possam engravidar, por não haver estudos suficientes
com essa população.

Estudos em animais demonstraram teratogenicidade em camundongos,
como anormalidades esqueléticas e anormalidade do aspecto e
embriotoxicidade fatal em camundongos e ratos.

Este produto está classificado na categoria de risco C
na gravidez.

Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres
grávidas sem orientação médica ou do
cirurgião-dentista.

O diltiazem não é recomendado durante a lactação, pois foi
relatado que o Cloridrato de Diltiazem (substância ativa) é
excretado no leite materno humano.

Se o tratamento com diltiazem for considerado essencial, a
lactação deve ser interrompida durante o tratamento e um método
alternativo para alimentação do infante deve ser instituído.

Reações Adversas do Incoril

O Cloridrato de Diltiazem (substância ativa) é geralmente bem
tolerado, havendo poucas referências à ocorrência de reações
adversas.

O bloqueio AV é um evento adverso incomum, porém grave e que
pode ter o risco aumentado pelo uso de terapia concomitante com
beta-bloqueadores.

O tratamento com Cloridrato de Diltiazem (substância
ativa) deve ser interrompido caso ocorra alguma das seguintes
reações:

  • Bloqueio atrioventricular total ou bradicardia grave (com
    sintomas de tontura). Pode ser necessária a administração de
    sulfato de atropina ou isoprenalina, ou ainda instalação de
    marcapasso cardíaco;
  • Insuficiência cardíaca congestiva. Pode ser necessária a
    administração de fármacos cardiotônicos;
  • Síndrome de Stevens-Johnson, Necrólise Epidérmica Tóxica (NET),
    dermatite esfoliativa (eritrodermia), pustulose exantemática
    generalizada aguda (os sintomas são eritema, bolhas, pústulas,
    prurido, febre, exantema);
  • Disfunção hepática ou icterícia com aumento da AST (TGO), ALT
    (TGP) ou γ-GTP).

Reações comuns (≥1/100 e lt;1/10)

  • Hipersensibilidade;
  • Anorexia;
  •  Cefaleia profunda;
  • Azia. 

Reações incomuns (≥1/1000 e lt;1/100)

  • Tontura;
  • Cefaleia;
  • Bradicardia;
  • Bloqueio atrioventricular;
  • Rubor facial;
  •  Constipação;
  • Náusea;
  • Dor abdominal;
  • Desconforto gástrico;
  • Erupção cutânea (rash);
  • Mal-estar.

Reações raras (≥1/10000 e lt;1/1000)

  • Palpitação;
  • Dispepsia;
  • Boca seca;
  • Prurido;
  • Urticária;
  • Sede;
  • Edema periférico;
  • Hipotensão;
  • Sonolência;
  • Insônia;
  • Parada sinusal;
  • Dor torácica;
  • Câimbras nas panturrilhas;
  • Astenia;
  • Icterícia;
  • Erupção eritematosa multiforme;
  • Fezes amolecidas;
  •  Diarreia.

Reações com frequência desconhecida

  • Sintomas tipo Parkinson;
  • Insuficiência cardíaca congestiva;
  • Bloqueio sinoatrial;
  • Hipertrofia gengival;
  • Função hepática anormal;
  • Síndrome de Stevens-Johnson;
  • Necrólise epidermal tóxica;
  • Eritema multiforme;
  •  Dermatite esfoliativa;
  • Pustulose exantemática generalizada aguda;
  • Reação de fotossensibilidade;
  • Ginecomastia;
  • Elevação das enzimas hepáticas (AST, ALT, LDH, Al-P,
    γ-GTP);
  • Arritmia;
  • Insuficiência renal aguda (elevação de ureia e
    creatinina);
  • Assistolia;
  • Parestesia;
  • Tremor;
  • Poliúria;
  • Nictúria;
  • Vômitos;
  • Aumento de peso;
  • Petéquias;
  • Hipertrofia hepática;
  • Diminuição da contagem de plaquetas e leucócitos;
  • Dormência.

 Em casos de eventos adversos, notifique ao Sistema
de Notificações em Vigilância Sanitária – NOTIVISA, disponível em

Incoril, Bula extraída manualmente da Anvisa.

Remedio Para – Indice de Bulas A-Z.

Compartilhe esta página!

Visualizando 1 post (de 1 do total)
  • Autor
    Posts
  • #7675
    Anônimo
    Convidado

    Incoril Bula

    Compartilhe suas experiências sobre este medicamento com outros usuários.
      • Utilizou este Remédio para?
      • Efeitos colaterais.
      • Resultados.
      • Indicações, sugestões e dicas!
    Acessar a Bula do medicamento.
    Incoril Bula Completa extraída da Anvisa
Visualizando 1 post (de 1 do total)
  • Você deve fazer login para responder a este tópico.
Scroll to top