Cloridrato De Tetraciclina Anfotericina B Legrand Bula

Cloridrato de Tetraciclina Anfotericina B Legrand

Fonte: Bula do Profissional do Medicamento Anfotericina
B + Cloridrato de Tetraciclina (Medley).

Contraindicação do Cloridrato de Tetraciclina +
Anfotericina B – Legrand

Este medicamento é contraindicado em pacientes com histórico de
reação de hipersensibilidade a qualquer um dos componentes da
formulação, em especial ao propilenoglicol e aos parabenos. Também
não deve ser utilizado em pacientes sensíveis ao metabissulfito de
sódio, especialmente os pacientes com histórico de asma ou alergia,
uma vez que esta substância pode causar reações alérgicas com
sintomas anafiláticos e de broncoespasmo.

A Anfotericina B + Cloridrato de Tetraciclina (substância ativa)
creme vaginal não deve ser usado durante a gravidez ou lactação
devido à possibilidade de efeitos adversos no desenvolvimento dos
ossos e dentes das crianças.

Categoria de risco na gravidez: B. Este medicamento não
deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica ou
do cirurgião-dentista.

Fonte: Bula do Profissional do Medicamento Anfotericina
B + Cloridrato de Tetraciclina (Medley).

Como usar o Cloridrato de Tetraciclina + Anfotericina B
– Legrand

Para aplicar o produto, a paciente deve deitar-se de costas, com
as pernas dobradas e o aplicador deve ser introduzido na vagina
suavemente, sem causar desconforto, o mais profundamente possível.
Em seguida, empurrar lentamente o êmbolo com o dedo indicador até o
final de seu curso, depositando assim todo o creme na vagina. Após
a aplicação, o aplicador deve ser imediatamente descartado.

Não há estudos dos efeitos de Anfotericina B + Cloridrato de
Tetraciclina (substância ativa) creme vaginal administrado por vias
não recomendadas. Portanto, por segurança e para garantir a
eficácia deste medicamento, a administração deve ser somente por
via vaginal.

Siga as instruções de uso conforme ilustração a
seguir:

  1. Remova a tampa e perfure completamente o lacre da bisnaga
    utilizando o lado externo da tampa.

  1. Adapte o aplicador ao bico do tubo.

  1. Puxe o êmbolo até o final do curso e em seguida aperte
    delicadamente a base do tubo de maneira a forçar a entrada do creme
    no aplicador, preenchendo todo o espaço vazio do mesmo.

  1. Desencaixe o aplicador e tampe o tubo imediatamente.

  1. Para aplicar o produto, a paciente deve deitar-se de costas e o
    aplicador deve ser introduzido na vagina suavemente sem causar
    desconforto. Em seguida, empurrar lentamente o êmbolo com o dedo
    indicador até o final de seu curso, depositando assim todo o creme
    na vagina.
  2. Após a aplicação, o aplicador deve ser imediatamente
    descartado.

Fonte: Bula do Profissional do Medicamento Anfotericina
B + Cloridrato de Tetraciclina (Medley).

Posologia do Anfotericina B + Cloridrato de
Tetraciclina


Um aplicador cheio (4 g) de Anfotericina B + Cloridrato de
Tetraciclina (substância ativa) creme vaginal, durante 7 a 10 dias,
administrado por via vaginal. Em casos mais graves, quantidades
maiores (2 aplicadores cheios) são necessárias, variando-se o tempo
de utilização de acordo com a resposta clínica. As aplicações não
deverão ser interrompidas durante o período menstrual.

Fonte: Bula do Profissional do Medicamento Anfotericina
B + Cloridrato de Tetraciclina (Medley).

Precauções do Cloridrato de Tetraciclina + Anfotericina
B – Legrand

O produto deve ser utilizado apenas para uso externo. Portanto,
deve ser mantido longe dos olhos, nariz e boca.

A Anfotericina B + Cloridrato de Tetraciclina (substância ativa)
creme vaginal praticamente não apresenta toxicidade, porém da mesma
forma que ocorre com qualquer outro produto para aplicação vaginal,
poderá eventualmente produzir sensação de ardor ou prurido em
pacientes hipersensíveis. Caso isto ocorra, o tratamento poderá ser
interrompido se a sintomatologia persistir ou se agravar.

A Anfotericina B + Cloridrato de Tetraciclina (substância ativa)
creme vaginal pode causar urticária devido à presença de parabenos
(metilparabeno e propilparabeno) em sua formulação.

Também é possível o aparecimento de sequelas tardias, como
dermatite de contato. Raramente ocorrem reações imediatas, como
urticária e broncoespasmo. Por conter como ingrediente inativo
metabissulfito de sódio, este medicamento pode causar reações
alérgicas com sintomas de anafilaxia e broncoespasmo em pacientes
sensíveis, em especial pacientes com histórico de asma ou
alergias.

Devem ser tomadas medidas contraceptivas durante o tratamento de
mulheres em idade fértil, tendo em vista a ausência de estudos
relativos à influência de Anfotericina B + Cloridrato de
Tetraciclina (substância ativa) creme vaginal sobre as células
reprodutoras femininas (óvulos). As aplicações não deverão ser
interrompidas durante o período menstrual.

Uso na gravidez

A segurança para uso durante a gravidez não foi estabelecida.
Drogas contendo tetraciclina demonstraram ter efeitos adversos nos
dentes e nos ossos durante o desenvolvimento do feto,
recém-nascidos, bebês e crianças pequenas.

Uso na lactação

A segurança para uso durante a lactação não foi
estabelecida.

Precauções higiênicas

A fim de afastar a possibilidade de reinfecção, observar
rigorosa higiene pessoal. As mãos devem ser cuidadosamente lavadas
antes de aplicar o creme. Além das medidas higiênicas habituais, as
seguintes precauções são de grande valor para prevenir a
reinfecção: Após cada micção, enxugar a vulva, sem friccionar o
papel higiênico. A fim de evitar uma possível propagação de germes
do reto para o trato vaginal, após a defecação, cuidar para que o
material possivelmente infectado não entre em contato com a
genitália. Toalhas e lençóis, assim como roupas íntimas devem ser
trocados diariamente, fervidos e lavados com detergente a cada
troca. Recomenda-se que os pacientes usem roupas íntimas fervidas
durante o período da doença. Enquanto persistir a infecção, existe
a possibilidade de propagação a outras pessoas.

A anfotericina B possui coloração amarela. O contato desta
substância com roupas pode manchá-las. Dependendo do tipo do
material, estas manchas podem, às vezes, não ser removidas somente
com a lavagem.

Uso pediátrico

A segurança para o uso em crianças com menos de 11 anos de idade
não foi estabelecida.

Uso geriátrico

Não há informações disponíveis com relação a efeitos da
anfotericina B e da tetraciclina sobre a população geriátrica. No
entanto, não são esperados problemas específicos que possam limitar
o uso desta medicação em idosos.

Fonte: Bula do Profissional do Medicamento Anfotericina
B + Cloridrato de Tetraciclina (Medley).

Reações Adversas do Cloridrato de Tetraciclina +
Anfotericina B – Legrand

Como qualquer preparação de uso vaginal, Anfotericina B +
Cloridrato de Tetraciclina (substância ativa) poderá produzir
prurido e ardor em pacientes hipersensíveis aos componentes do
produto.

A administração tópica resulta em níveis séricos baixos,
portanto, é muito improvável que ocorram efeitos colaterais
sistêmicos.

Em casos de eventos adversos, notifique ao Sistema de
Notificações em Vigilância Sanitária – Notivisa, disponível em

Cloridrato-De-Tetraciclina-Anfotericina-B-Legrand, Bula extraída manualmente da Anvisa.

Remedio Para – Indice de Bulas A-Z.

Compartilhe esta página!

Remédio Para Fóruns Bulas de Medicamentos Cloridrato De Tetraciclina Anfotericina B Legrand Bula

Visualizando 1 post (de 1 do total)
Visualizando 1 post (de 1 do total)
  • Você deve fazer login para responder a este tópico.
Scroll to top